O Mindset positivo pode melhorar o desempenho de sua equipe:

Participantes do curso se surpreendem com os resultados do DiSC
4 de julho de 2019
Exibir tudo

O Mindset positivo pode melhorar o desempenho de sua equipe:

“Conhece-te a ti mesmo”.

Não há certeza absoluta em relação a quem foi autor desta frase. Existem teorias que afirmam que ela foi dita por Sócrates, Heráclito, Pitágoras e outros. Mas uma coisa é certa: conhecer-se é o ponto de partida para uma mudança positiva à sua volta e, por consequência, é a conquista de grandes resultados.

Muito se discute sobre as estratégias para alcançar sucesso profissional e pessoal, e evoluir continuamente. Entretanto, para chegar ao equilíbrio nestes quesitos é preciso passar por um processo interno e, antes de tudo, conhecer a si mesmo. O processo de autoconhecimento é vital para evoluir em todas as esferas possíveis, sendo uma das principais ferramentas para atingir o sucesso, tanto profissionalmente quanto pessoalmente.

A partir do momento em que o processo do autoconhecimento está presente na rotina do líder, ele está cada vez mais capacitado a mudar o seu mindset e, com isso, transformar o ambiente de trabalho, ao passo que enriquece suas habilidades e eleva o potencial de sua equipe. Gestores com esse foco são mais comprometidos com o desenvolvimento de seus funcionários, e com o próprio.

Segundo a psicóloga da Universidade de Stanford e principal estudiosa da área, Carol Dweck, o mindset mostra o nosso modo otimista ou pessimista de enxergar diversas situações da vida e de como se portar diante delas. Para a pesquisadora, sob este viés, as pessoas podem ser separadas em dois grupos: Mindset Fixo e Mindset de crescimento.

O primeiro grande grupo é formado por aqueles que possuem uma atividade mental fixa que, segundo a definição de Carol Dweck, designa as pessoas resignadas, que aceitam as condições que lhe são impostas. Ou seja, pessoas acomodadas ou que não estão abertas à mudanças.

Já o outro grande grupo é caracterizado por uma mentalidade de crescimento, também chamada de mindset progressivo. Os integrantes dessa outra divisão não só acreditam em suas habilidades, como também sabem que podem desenvolver outros talentos, desde que se dediquem para isso.

Acima de tudo, um gestor com o mindset de crescimento, que conhece a si mesmo, sabe como desenvolver – e desenvolve – sua equipe. Por conta disso, além de notar a melhora no desempenho de seus funcionários, nota, também, um time motivado.

É claro que o gestor está em busca do colaborador perfeito. Mas ele não existe. Ou talvez exista, mas, por ser raro, não é fácil encontra-lo. No entanto, um bom líder, com as atribuições já mencionadas, pode muitas vezes extrair e desenvolver as qualidades necessárias para um desempenho com foco no mindset do progresso. Afinal, gestores que cultivam um mindset positivo são capazes de cativar e contagiar quem está ao seu redor.

Pense nisso!